Conselho prorroga licença de Machado da presidência da Transpetro

Agência  Brasil                                     23/01/15 09h36

 

 

 

O Conselho de Administração da Transpetro, empresa que cuida das operações logísticas da Petrobras, divulgou nota na noite de quinta-feira (22) comunicando mais um adiamento da licença não remunerada do presidente da empresa, Sérgio Machado. O novo adiamento valerá até o dia 20 de março, período em que Machado continuará sendo substituído pelo diretor Cláudio Ribeiro Teixeira Campos.

 

O presidente da Transpetro está licenciado do cargo desde 3 de novembro do ano passado, dias após ter seu nome envolvido na Operação Lava Jato a partir de depoimento do ex-diretor da área de Refino e Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa, beneficiado pela delação premiada.

 

No depoimento à Justiça Federal do Paraná, Costa disse que tinha informações de que a Transpetro também repassava propina a políticos em razão da diretoria que ele comandava também ter participado da contratação de navios para a subsidiária da Petrobras. O próprio Costa teria recebido cerca de R$ 500 mil de Machado na transação.