Sete estádios em seis cidades receberão jogos do futebol nas Olimpíadas

Portal EBC                                                                        16/03/15 15h10 

 

 

Apesar das ressalvas da Federação Internacional de Futebol (Fifa) sobre a distância e a diferença de fuso horário, a Arena da Amazônia, em Manaus, também entrou no calendário olímpico.Sete estádios, em seis capitais brasileiras, vão receber as 58 partidas do futebol dos Jogos Olímpicos de 2016. O Rio de Janeiro, sede olímpica, a única cidade que teve dois estádios selecionados: o Engenhão e o Maracanã – que vai receber as finais tanto no masculino quanto no feminino. Apesar das ressalvas da Federação Internacional de Futebol (Fifa) sobre a distância e a diferença de fuso horário, a Arena da Amazônia, em Manaus, também entrou no calendário olímpico.

 

 

Os palcos do torneio olímpico de futebol serão: Engenhão e Maracanã, no Rio de Janeiro, Arena Corinthians, em São Paulo, Arena Fonte Nova, em Salvador, Arena da Amazônia, em Manaus, o estádio Mané Garrincha, em Brasília, e o Mineirão, em Belo Horizonte. A relação foi anunciada nesta segunda-feira (16), após reunião do Comitê Olímpico da Federação Internacional de Futebol (Fifa), em Zurique, na Suíça.

 

 

“A entrada de Manaus no calendário Olímpico Rio 2016 enriquece o torneio com uma visita dos atletas de futebol a um dos locais mais icônicos do mundo. Tenho certeza que o Amazonas receberá o mundo Olímpico com uma celebração memorável”, destacou Carlos Arthur Nuzman, presidente do Comitê Organizador Rio 2016, citado pelo site Rio2016.com.

 

 

O futebol é o único esporte com disputas fora da cidade que recebe as Olimpíadas. O torneio masculino conta com 16 países e o feminino, 12. O calendário de jogos deve ser apresentado pela Fifa e pelo Comitê Organizador do Rio 2016 nos próximos dias, já que, até o fim do mês, deve acontecer a primeira fase do sorteio de ingressos dos Jogos.

 

 

As mulheres entram em ação no dia 3 de agosto do ano que vem. Duas seleções já estão classificadas: o Brasil, como país-sede, e a Colômbia, vice-campeã da Copa América. Até abril de 2016, as dez vagas remanescentes serão distribuídas em torneios classificatórios. No feminino, não há restrição de idade. As seleções serão divididas em três grupos de quatro. Passarão à fase seguinte as duas melhores de cada grupo e as duas melhores terceiras colocadas. As oito classificadas jogam as quartas de final, semifinais e finais no “mata-mata”. O campeão será conhecido no dia 19 de agosto, no Maracanã.

 

 

A competição masculina começa no dia 4 de agosto. O Brasil já tem vaga garantida, por ser o anfitrião das Olimpíadas, e a Argentina também está dentro, por ter vencido o Sul-Americano sub-20. Entre os homens, a regra estabelece o limite de idade – a seleção é formada por jogadores com até 23 anos (nascidos após 31 de dezembro de 1992), mais três atletas sem limite de idade em cada equipe. Aqui, as 16 seleções são agrupadas em quatro chaves. As duas melhores avançam para a fase eliminatória: quartas de final, semifinal e final, no dia 20 de agosto, também no Maracanã. O Brasil tenta a inédita medalha de ouro olímpica tanto no feminino quanto no masculino.