Conselho de Ética deixa para dia 24 análise de parecer em processo contra Cunha

Criado em 19/11/15 15h38 e atualizado em 19/11/15 15h40 
Por Da Agência Brasil* Edição:Carolina Pimentel Fonte:Agência Brasil

 

O presidente do Conselho de Ética da Câmara dos Deputados, José Carlos Araújo (PSD-BA), transferiu para a próxima terça-feira (24) a leitura do relatório preliminar apresentado pelo deputado Fausto Pinato (PRB-SP) que recomenda a continuidade do processo contra o presidente da Câmara, Eduardo Cunha. 

Brasília - O presidente do Conselho de Ética da Câmara, deputado José Carlos Araujo, durante reunião para instauração de processo contra o presidente da Casa, Eduardo Cunha (Wilson Dias/Agência Brasil)

O presidente do Conselho de Ética da Câmara, deputado José Carlos Araújo, transferiu para a próxima semana a leitura de parecer preliminar no processo contra o presidente da Casa, Eduardo Cunha  Arquivo/Wilson Dias/Agência Brasil

Mais cedo, o conselho havia anunciado a suspensão da reunião de hoje (19) quando seria feita a leitura. 

Em reunião informal do conselho, o advogado de Cunha, Marcelo Nobre, afirmou que não teve oportunidade de defesa antes da apresentação do relatório prévio de Fausto Pinato.

O deputado Henrique Fontana (PT-RS) disse que Cunha não tem mais condições de presidir o Parlamento. "A Presidência não pode ser confundida com os interesses pessoais do presidente”.

Anulação

O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), decidiu suspender a decisão do deputado Felipe Bornier (PSD-RJ) que anulou a reunião do Conselho de Ética de hoje (19). A reunião foi cancelada pelo deputado Felipe Bornier, quando ele estava como presidente da Câmara. Em protesto, vários deputados deixaram o plenário após a decisão de Bornier.

Ao suspender a decisão de Bornier, Cunha disse que não quer contaminar a Casa com algo que diga respeito a ele.

 

* Com informações da Agência Câmara