Em São Vicente projetos destaques na educação serão homenageados nesta quarta (05)

Cerimônia visa valorizar trabalhos desenvolvidos durante o ano em São Vicente

Por Prefeitura Municipal de São Vicente 

A Secretaria de Educação (Seduc) promove nesta quarta-feira (05) uma cerimônia para homenagear e premiar projetos destaques desenvolvidos dentro e fora das unidades escolares durante o ano. O evento intitulado “Além dos Muros da Escola” será realizado às 19h, na Câmara Municipal (Rua Jacob Emmerich, 1195 - Parque Bitaru), com o objetivo de valorizar o trabalho em equipe de alunos, educadores e funcionários das escolas.

“Todos os envolvidos demonstram compromisso e comprometimento com a construção de uma educação pública de qualidade para o nosso Município, transformando – além do espaço escolar – sonhos e vidas. E esses merecem o nosso reconhecimento e aplausos”, afirma Denise Barbosa, diretora de Educação Básica da Seduc.

A solenidade contará com a presença de familiares e autoridades. Além da entrega de diplomas, haverá a divulgação das escolas vencedoras que mais arrecadaram garrafas PET para a confecção de decoração natalina do projeto Natal Espetacular; o anúncio dos três melhores curtas-metragens produzidos por alunos; e uma homenagem aos 19 alunos que conseguiram classificação na Olimpíada Brasileira de Astronomia e na Mostra Brasileira de Foguetes.  
 
Confira os projetos destaques
JEPP – O projeto Jovens Empreendedores Primeiros Passos tem parceria firmada com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), com o objetivo de despertar uma cultura educacional empreendedora dentro do ambiente escolar. As aulas voltadas para alunos do 9° ano aconteceram uma vez por semana, com duração de duas horas, realizadas durante três meses. Neste ano, o projeto foi desenvolvido em duas escolas, escolhidas para servir de projeto piloto, visando à expansão do projeto.

Gincana cooperativa – As escolas municipais participaram da arrecadação de garrafas pets para a confecção de decoração natalina do projeto Natal Espetacular. Serão reveladas as três unidades que alcançaram o maior número de garrafas recolhidas. Além disso, as instituições de ensino que utilizarem estratégias inovadoras e criativas para o recolhimento concorrerão ao “Prêmio Inovação”.

Ao 1° lugar será entregue uma horta suspensa produzida com materiais reaproveitados, projetada para escola. O 2° lugar receberá um jogo de sala, fabricado a partir de pneus usados. Já o 3° lugar receberá um pula-pula para recreação, também produzido com pneus. Há, ainda, uma premiação surpresa para o vencedor do “Prêmio Inovação”.

Concurso Cartaz da Paz – O projeto é realizado anualmente pelo Lions Clube Internacional.  Com o tema “O futuro da paz”, a competição de desenhos feitos por crianças, nas escolas públicas e particulares, concorreu pelo voto popular.  O vencedor passa às fases distrital, nacional e mundial, com exposição do desenho na sede da Organização das Nações Unidas (ONU).

OBA – A Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica, que agrega também a Mostra Brasileira de Foguetes (MOBFOG), acontece há 21 anos em escolas públicas e privadas, sendo organizada pela Agência Espacial Brasileira (AEB) em colaboração com a Sociedade Astronômica Brasileira (SAB). Na OBA, sete alunos da rede municipal foram premiados, e 17 na MOGOF. 

Projeto Iniciação Científica – A iniciativa em parceria com os alunos do curso de mestrado de auditoria ambiental e ecologia da Universidade Santa Cecília (Unisanta) de Santos consistiu em dar oportunidade aos alunos do ensino fundamental de quatro escolas municipais para realizarem uma pesquisa sobre as problemáticas ambientais em seu bairro. Assim eles tiveram a chance de compreender estes problemas, pensar em soluções e entender como se faz uma pesquisa. Participaram 40 alunos de cada unidade na supervisão de dois professores.  O projeto teve fim em novembro quando alguns dos alunos apresentaram sua pesquisa no Encontro Nacional de Pós Graduação realizado na Unisanta.     

ICLOC Jovem – O Congresso de Protagonismo Juvenil do Instituto Cultural Lourenço Castanho (ICLOC) acontece anualmente em São Paulo para os alunos de diferentes escolas falarem sobre os projetos e trabalhos desenvolvidos em suas unidades, sendo um momento de reflexão, debate e compartilhamento de experiências.  Este ano o evento aconteceu em outubro, e duas escolas de São Vicente apresentaram quatro trabalhos.

CAP – O Centro Aprendiz de Pesquisador é um projeto no qual os alunos do sexto ano de várias escolas da rede municipal realizam atividades voltadas ao ensino de ciências e outras disciplinas com objetivo de desenvolverem habilidades e gosto pela pesquisa.   Para isso, uma vez no mês eles vão até o Centro de Pesquisa em Meio Ambiente, uma instituição pertencente à Universidade de São Paulo (USP), localizado em Cubatão. As visitas deste ano ocorreram no mês de abril, junho, agosto e outubro.

Concurso de curta-metragem dos grêmios estudantis – O projeto nasceu da necessidade de unir a disciplina de arte com a de inglês. Desta ânsia, surgiu a ideia do curta-metragem, no qual os alunos do Ensino Fundamental II registraram quais foram às principais ações desenvolvidas pelos grêmios estudantis dentro da escola e como envolveram a comunidade. Ainda tiveram a tarefa de legendar todo o documentário em inglês. Cerca de 11 escolas participaram, enviando no fim de novembro o filme com duração de 5 a 7 minutos. Eles conseguiram alcançar o resultado final devido à parceria com a Etecri (Escola de Técnicas de Economia Criativa) e a Universidade São Judas, já que os estudantes de cinema e audiovisual deram suporte para desenvolver o projeto. Os curtas serão avaliados por uma comissão da Universidade parceira e os três vencedores ganharão prêmios relacionados a área de jornalismo, rádio e televisão.